02 fev
Dizer ou não dizer aos filhos?

meninas

Estou no corredor indo para sala e só escuto uma voz vindo do quarto de tv: “eu tive que fazer tratamento e engravidei, e você?” Parei na hora! E fiquei escondida escutando a conversa das minhas duas pequenas brincando de boneca. Tive que me conter para não rir devido a novidade de vê-las tão pequenas (6 e 7 anos) levando este tema para suas brincadeiras rsrsrs. O tema infertilidade sempre foi passado para elas como lindas histórias de superação e muito amor. Mariana, a mais velha, bem sabe que passei 6 anos esperando por ela, sabe que tinha um dodói na barriga e que lutei muito para tê-la, e ela baba com minhas histórias, “se acha” e se sente super querida sabendo que foi muito desejada por nós! Valentina já tem um discurso pronto e as vezes do nada puxa assunto (fala pelos cotovelos) com alguém que mal conhece dizendo que ela é um milagre! Kkkkk Uma fofa! Pois é, esta sempre foi minha postura aberta e franca com elas sobre suas histórias mesmo antes de existirem e estou segura que elas entenderam bem a mensagem e tem isso bem resolvido. Tem pessoas que preferem omitir dos filhotes, eu sempre fui super aberta sobre este tema e numa boa conversamos e falamos do quanto mamãe esperou e lutou por elas, e elas amam!

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe seu comentário