15 jan
E ela não desistiu, e Levi chegou!

FullSizeRender-6

 

Ontem foi dia de ir à maternidade! Programa que adoro, nem necessita explicar o por quê, não é mesmo? Geralmente todas as idas a maternidade para conhecer o bebê de uma amiga já é emocionante, mas a de ontem foi além… Chegou Levi! Um bebê que foi MUITO sonhado, filho de uma amiga querida da escola, que após muitos anos de amizade se uniu e se achegou mais ainda a mim quando se deparou com este mundo das dificuldades para engravidar, que eu tão bem conhecia…

Foram 7 anos de luta, tratamentos, negativos, exames e procedimentos invasivos, dores, lágrimas. Em algumas épocas nos falávamos mais, em outras o silêncio dela imperava e eu a respeitava, mas estava sempre atenta a alguma novidade ou brecha para poder estar.

Torcer? Demais da conta! Eu dizia para mim mesma que só descansaria quando a visse com um filho, e ontem ao entrar naquele quarto minha alma ficou mais leve! Lá estava ela amamentando o seu sonho, agora realidade, todinho seu, assim como ela tanto sonhou, aliás, com certeza, bem mais do que um dia ela ousou sonhar! Porque é bem assim, não existe como explicar, nada, nenhuma palavra ou atitude pode traduzir TUDO o que se sente quando enfim chega o dia, quando você enfim tem nos seus braços o seu filho, quando você enfim é mãe, para sempre, mãe! E lá estava ela e ele, um amor que nasceu há tempos atrás, e que enfim se encontraram…

Foram vários os tratamentos de reprodução assistida, foram picadas e mais picadas na barriga (inclusive até o final da gravidez), foram muitas desilusões, busca eterna por diagnósticos mais precisos, mudanças de equipes médicas. A luta foi grande mas lá estava ela como brava guerreira que não foge à luta, que bem sabe o que mais quer, e que apesar dos pesares seguiu! E por não ter desistido… conseguiu!

Jamais esquecerei o dia em que me telefonou para dar a boa nova, uma manhã num final de semana, eu ganhei o dia! A alegria dela era a minha! E tive que engolir essa alegria por uns dias até ela liberar para eu gritar aos 4 cantos do mundo que Mona seria mãe! Tão merecidamente, tão dignamente, tão corajosamente!

Nunca esquecerei nossos papos, seus desabafos, seu cansaço e desânimo em alguns momentos, como sua garra e perseverança nos recomeços. Confesso que tinha medo que você desistisse, e quando assim pensava na possibilidade você surgia mais forte que antes, voltando a acreditar!

Ai amiga… Como estou feliz por você, como estou orgulhosa de você! Você que é tão discreta, mas que aceitou imediatamente falar um pouquinho da sua história aqui, como mais um exemplo a tantas mulheres que ainda estão na luta e que ao ler casos assim se enchem de esperança! Assim como aconteceu comigo um dia, com você e com tantas que neste momento lêem emocionadas esse recadinho que o fofo do Levi e sua mamãe Mona Lisa lhes manda: NÃO DESISTA, vale a pena seguir!

Parabéns Mona! Bem vindo Levi!!! Deus os abençoe sempre.

 

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

9 comentários

  1. Taci,
    Que lindas palavras! Olhos marejados.
    Ontem ao chegar com você à maternidade, me veio à lembrança do nascimento de Nana, sua primeira filha, Taci. Depois de tanta espera, seu sonho foi realizado. E Ontem foi igualmente maravilhoso presenciar a realização do sonho de Mona: Levi, um lindo galeguinho.
    Mona, a sua felicidade é a nossa. A sua história é um grande exemplo de AMOR!
    Muita saúde pro príncipe Levi! ♥️

    Comentário
    1. Gabi, amiga querida! Você foi primeira da turma a ser mãe, no seu caso uma surpresa, mas claro que não deixando de ser uma grande dádiva e realização! E você como sempre com esse seu coração maternal, sempre cuidando de todas nós. Como esquecer a sua emoção ao visitar a minha Nana? Você chorou e me fez emocionar ao ver que literalmente a minha alegria era a sua. Te amo amiga linda!

      Comentário
  2. Muito lindo sua história se entendi fica muito com a minha so que eu esperei 18 anos correndo atrás do meu milagre hoje estou grávida 8 mês quase chegando a hora so agradecendo a Deus pois fiz tudo que estava ao meu alcance mais so aconteceu quando eu vi que se deus não quiser o que posso fazer ai sim Deus mim ouviu aqui estou com a minha vida Maria Eduarda chegando

    Comentário
    1. Que maravilha Raquel!!! Nossa! 18 anos??? Super bem vinda Maria Eduarda!

      Comentário
  3. Amei esta historia com final perfeito. Eu tenho esse sonho de ser mãe, porem ouvir do esposo que isso é impossivel no momento é duro. Mais confio em Deus, e Ele vai me honrar, pois nunca me abandonou.

    Comentário
    1. Para Deus absolutamente NADA é impossível! Com certeza chegará seu dia, falta menos!!!

      Comentário
  4. Taci, lindo e emocionante demais !!!
    Parabéns a Mona Lisa e ao príncipe Levi !!!
    Beijos !!!!!!!!

    Comentário
    1. Demais mesmo! Beijo grande Kamila!

      Comentário
  5. Parabéns Taci por esse texto lindo e emocionante, a cada texto q leio e me emociono aumenta a certeza de que vc nasceu para isso!!! AJUDAR as pessoas a superarem as dificuldades e acreditarem que a realização do sonho é possível. Que Deus te abençoe na continuidade dessa missão!!! E mais uma vez parabéns para a nossa amiga guerreira Mona que não desistiu do seu sonho. Beijos, Lígia.

    Comentário

Deixe seu comentário