14 ago
O, Tão Sonhado, Primeiro Dia dos Pais!

IMG-20160724-WA0010

Este ano quis fazer diferente… Ja são dois anos de blog, 2 dias dos pais passados, e ,em ambos, vim aqui para dar aquele apoio aos “papais tentantes” que tão lindamente acompanham suas companheiras nesse caminho, muitas vezes nada fácil, da busca pelo filho que demora em chegar. Mas esse ano achei justo prestar uma homenagem também àqueles que enfim comemoram merecidamente o seu dia com os braços recheados pelo seu melhor presente: SEU filho!
Muitas vezes nós mulheres sofremos tanto por ansiar ver o nosso ventre ja “habitável” por aquele serzinho sonhado, ou nosso lar mais bagunçado por aquele filho já nascido no nosso coração, através da adoção, que “esquecemos” de alguém que está ali, ao nosso lado, sofrendo muitas vezes de igual para igual, mas geralmente disfarçando aquele sofrimento, porque a lenda diz que: homem não chora! E sendo assim, homem não “pode” demonstrar sofrimento, eles tem que ser fortes, nosso apoio sempre… Mas eles sofrem sim! Apenas muitas vezes não se dão ao direito de demonstrar isso para estar ali, ao lado, dizendo que tudo está bem, mesmo não estando.
E o tempo passa, as lágrimas de dores contidas, enfim se transbordam, desde a certeza da sua vinda até o dia da sua chegada, daquele filho tão tão esperado, momento eternizado, que supera toda e qualquer mais bela expectativa! Finalmente ele passa a ter papel de protagonista, sendo o PAI daquela criaturazinha linda que tanto esperou chegar à sua vida. E tudo muda! E ele é apresentado a um amor sem igual, um amor que transcende toda e qualquer imaginação previamente feita. Ele que de repente num momento inicial, talvez até pense que jamais poderá carregar devidamente aquele bebê aparentemente tão frágil,e um dia o coloca nos braços e tem vontade de nunca mais largá-lo! Um serzinho tão pequenino mas tão seu, que lhe faz fazer os planos mais gigantes para um futuro próximo que os espera e já lhes bate à porta nos seus pensamentos, se ver indo ao estádio de futebol com a mais linda das companhias, se imaginar levando-o à escola no seu primeiro dia de aula ou ao parque para passear, e tantos outros planos mais… Mas hoje ele quer de repente fazer o tempo parar para eternizar o SEU dia, o dia tão esperado, aquele dia que por um breve momento pensou talvez que não chegasse, mesmo sofrendo calado, digeria essa possibilidade, e que hoje rir dela neste novo papel em sua vida sendo pai, através desse presente que mudou sua vida, que deixou para trás ver sua mulher tão angustiada,e também claro deixar para trás sua própria angustia, muitas vezes disfarçada, com a ameaça de não poderem aumentar a família.
Para você papai especial, deixo aqui toda admiração por você ter sido homem com todas as letras, por não ter feito o caminho mais fácil de abandonar sua companheira naqueles momentos difíceis que viveram juntos, porque bem entendeu que esta luta era dos dois! Um dia seu filho saberá da sua presença marcante nesta bela historia de superação, e com certeza terá muito orgulho do paizão que tem, que teve desde sempre, antes mesmo de existir. Porque pai também se nasce antes do filho, pai se nasce quando a palavra paternidade o comove de alguma forma e muda seu coração com essa vontade louca de repassar – receber – ensinamentos e amor a outro ser, que será sua continuação de valores e vida.
E esta semana uma seguidora me pediu o link dos dias dos pais do ano passado, que ela bem lembrava que tinha marcado ela e seu esposo e que não estava encontrando no blog, e aproveitando me disse que este dia dos pais seu marido teria o tão sonhado filho nos braços, diferentemente dos anos últimos anos. Foi ai que a convidei vir nos contar a história deles aqui pra gente, como mais um historia de esperança envolvendo este papai que terá um domingo tão especial e sonhado! Com vocês a historia de luta da Dani e do Filipe que resultou no pequeno e tão esperado Lucas, após 7 anos de espera!

Nossa historia começou em 2002, nós dois muito jovens, eu com 17 aninhos e ele com 21. Não pensávamos nem em casar, mas sempre tive a certeza de querer ter filhos e para isso ja me preocupava em namorar alguém que gostasse de crianças. E logo notei que Filipe estaria apto para ser pai do meu filho ao irmos a um batizado de uma sobrinha e afilhada minha. Ele ganhou o coração dela logo de cara e até entao “nossa Duda” é louca por ele, e assim ele acabou por conquistar meu coração. Casamos 7 anos depois em 2009 e no final de 2010 começamos nossa luta para engravidar. Após 2 anos de tentativas chegamos ao diagnóstico: Endometriose. O médico que me acompanhava na época disse que não era impeditivo para engravidar, apenas poderia dificultar um pouco e comecei a fazer “tratamento” com anticoncepcional mesmo, parando depois de alguns meses seguidos para tentar engravidar novamente! O tempo foi passando e nada acontecia! Mudei de médico algumas vezes, até que fui a um medico renomado em Recife, especialista em cirurgias de endometriose, e o mesmo me falou que não faria a videolaparoscopia em mim, pois eu já tinha tido um problema no intestino e ele falou que seria uma cirurgia de risco, e se recusava a fazer! Fui a outros médicos que quando sabiam do posicionamento daquele colega se recusavam a me operar também. Até que fui ao Dr. Dennys Nobrega, outro cirurgião especialista, fui mais uma vez atrás do meu sonho, e ele nos deu esperanças! Nos explicou quais eram os riscos da cirurgia e nos deu uma aula sobre a endometriose, deixando claro que mesmo após a cirurgia talvez precisaríamos sim partir para algum tratamento de reprodução assistida, a depender do grau da endometriose. Fiz a videolaparoscopia em dezembro de 2013, depois passei por alguns tratamentos com medicações e voltamos às tentativas em fevereiro de 2015, e já em abril recebemos nosso tão sonhado positivo!!! Foi um momento mágico!! Cheguei até a mandar um mensagem para Taci contando a grande noticia, mas a alegria durou pouco… Perdemos nosso bebê. Foi muito difícil, pensei até em desistir, mas em outubro de 2015 descobrimosque eu estava gravida, novamente de forma natural! E após 7 anos de espera, em maio deste ano o nosso Lucas nasceu! Agradeço a Deus e ao papai do Lucas por não deixarem eu desistir desse sonho! Foi difícil mas conseguimos e hoje somos realizados com nosso filho! Será o primeiro dia dos pais do Filipe, dia muito especial e super esperado, a ser comemorado com nosso Lucas nos seus braços. Agradeço a Deus por colocar em meu caminho o melhor Pai que meu filho poderia ter, meu marido Filipe que desde sempre foi muito importante nesta caminhada! E deixamos aqui nosso apoio e ânimo a todos que ainda estão na luta, pois valerá a pena! Chegou nosso dia, e o de vocês chegará também!”

Com essa linda história, aproveito para desejar a todos novos papais, um dia pra lá de especial! Grudados nesses filhotes como os melhores presentes que poderiam ter!
Aos futuros papais, que tanto anseiam a chegada do filho sonhado, fica meu carinho e torcida para que no próximo dia dos pais, tudo isso já tenha passado e que vocês possam dizer que fariam TUDO novamente para estar vivendo aquele grande e eterno amor!
Feliz dia a todos vocês papais e futuros papais!
Taci

Deixo abaixo os links dos dois últimos dias dos pais escritos aos futuros papais nos dois últimos anos:

http://maternidadesonhada.com.br/homenagem-aos-futuros-papais/

http://maternidadesonhada.com.br/dia-dos-pais/

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe seu comentário